Quando ouço à minha volta alguém dizer “A memória é muito curta, principalmente em relação aos bons momentos…” causa-me uma certa “urticária”. Ao longo da minha vida, prezo sempre por me lembrar dos bons momentos do passado.

Trabalho aqui desde Abril de 1995 e como devem imaginar foram muitos os momentos bons, embora que alucinantes e intensos, que guardo na minha memória.

Escolhi um para partilhar convosco por ser no mínimo peculiar… A reunião mais difícil da minha vida!!!

Quem por lá passou, sabe que as instalações da ex Nomi na Avª Almeida Garret tinham uma sala de reuniões envidraçada, virada para um corredor da empresa. Reuni (acho que foi no ano 2002) com um fornecedor do Norte, que comercializava packs especiais.

O senhor no início da reunião começou por me pedir desculpa por causa de um incidente que tinha tido num dedo e o meu dilema começou… Concentrar-me numa reunião em que tinha um senhor mesmo à minha frente, com o braço em cima da mesa de reuniões e com o “dedo da asneira” imobilizado com uma tala, foi deveras difícil.

Não foi necessário muito tempo para que um colega – o Simão – ao passar no corredor olhasse para aquele cenário. A partir desse momento começou uma verdadeira romaria sem fim, de colegas a passearem no corredor, a olharem, a rirem e a gesticular para mim. A concentração e o esforço que fiz para manter um discurso lógico durante cerca de 45 minutos, foi mesmo muito complicado.

E se a minha explicação não foi suficientemente clara, a ilustração que se segue talvez seja mais elucidativa. Obrigada Miguel Aguiar, pelo teu contributo.

Conseguem imaginar como foi?Histórias da equipa da UP PartnerNa minha opinião a UP PARTNER sempre se regeu, por uma cultura empresarial assente num modelo de gestão e em valores morais e sociais acima da média, face a outras empresas que trabalham nesta área da Comunicação. Aqui, sempre me senti bem e acarinhada!

É, pois, com grande orgulho que faço parte integrante desta Equipa. Por Equipa leia-se não só a atual, como também todos os que por cá passaram e deixaram a sua marca.

Parabéns a todos nós!

Muitos Parabéns Hélio, pelo seu 25º aniversário empresarial!

Rosinda Costa (e ilustração de Miguel Aguiar)


Comente este artigo